Now Playing Tracks

Eu só queria foder
quando questionado sobre o que comer
minha resposta era boceta
ela não se agradava muito
dizia que de minha boca
só saiam palavras feias

Eu queria sexo,
na sala
no banheiro
na cama…
ela mandava eu ir com calma
fazendo aquele discurso
de mulher que ama

Eu queria gozar freneticamente
um louco ensandecido
pelo corpo dela;
desejava transformar minha língua em um pincel
fazer de seu corpo uma aquarela

Eu era louco, ela normal
Ela gente, eu um animal

Mas entre 4 paredes
tudo acontecia
morriam princípios, leis, regras, conceitos
na cama ela era a vadia que eu amava
sem pudor
com amor
sem medo

Ela era um tesão,
que excitava meu corpo
e fazia bater mais forte meu coração.

Otávio L. Azevedo  (via s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r)

(Fonte: poexcitar)

We make Tumblr themes